PLANETA.

>
Sustainable Mini Ownership

COMO SER UM PROPRIETÁRIO MINI MAIS SUSTENTÁVEL.

Como é que os condutores podem ajudar o ambiente? Quando é que pensaste pela primeira vez na ideia de que devias mudar a forma como conduzes e cuidas do teu automóvel? Foi quando estavas num engarrafamento, a observar os outros veículos através dos fumos de escape? Ou quando viste um rio de água com sabão a escorrer pelo esgoto da tua rua? Muda para melhor com as nossas dicas, que vão desde a compra do teu automóvel, até à sua manutenção e conservação.

>
Sustainable Mini Ownership
motion
Before you buy

Provavelmente, estás a pensar que comprar automóveis mais amigos do ambiente - veículos eletrificados ou totalmente elétricos - é o caminho a seguir. E isso é verdade, daí estarmos a planear ter uma gama totalmente elétrica até 2030. Mas há mais do que simplesmente a forma como o teu automóvel se desloca.

Uma grande parte das emissões de CO2 associadas a um veículo ocorre durante o seu processo de produção, por isso, se queres ter uma pegada ecológica mais pequena, deves saber bem como é fabricado o teu futuro automóvel. Isto também significa que, se estás constantemente a comprar automóveis novos, mesmo que estes tenham uma condução mais sustentável do que os teus automóveis anteriores, o impacto global pode ser pior para o ambiente.

Provavelmente, não é surpresa que na MINI - e em todo o BMW Group - tenhamos atribuído grande importância à produção sustentável e à criação de uma economia circular de fabrico, utilizando o maior número possível de peças e materiais reciclados. Estamos também a reestruturar o nosso processo de produção, desde a extração de matérias-primas até à reutilização dos nossos automóveis, após o fim do seu ciclo de vida.

>
Before the drive
motion
Before the drive

Muito bem, tens um automóvel e estás a pensar em conduzi-lo de uma forma ecologicamente consciente. Os primeiros passos são dados antes mesmo de ligares o motor.

NÃO SOBRECARREGUES O TEU AUTOMÓVEL.

O teu automóvel é um instrumento de mobilidade e não um espaço de arrumação. Tenta sempre manter o excesso de bagagem fora do teu veículo e leva apenas o que precisas. Isto reduz a carga do automóvel e, por conseguinte, o seu consumo, poupando também custos. Sempre que olhares para aquela prancha de surf fixada no tejadilho, ou para aquela caixa de livros na bagageira, e pensares "para a próxima não levo isto" - faz com que esse "para a próxima" seja agora!

PÕE PRESSÃO NISSO.

Se alguma vez andaste de bicicleta com os pneus meio cheios, sabes que é preciso muito mais esforço para os fazer rodar. O mesmo acontece com o teu automóvel. Se a pressão dos pneus for insuficiente, não estás apenas a aumentar o consumo de combustível ou de energia, mas também a reduzir o tempo de vida dos teus pneus. Por isso, verifica os teus pneus sempre - de preferência mensalmente - e enche-os quando necessário.

>
Before the drive
motion
Driving Greener

Muito bem, estás no teu automóvel e ligaste o motor. Mas o que deves ter em conta quando estás a tentar ir do ponto A ao ponto B da forma mais sustentável possível? As seguintes dicas de condução irão ajudar-te a conduzir de forma mais ecológica.

MANTÉM A VELOCIDADE.

Manter uma velocidade constante - evitando arranques e paragens súbitas, bem como movimentos bruscos - diminui o consumo de combustível e aumenta a autonomia. Ultrapassar o limite de velocidade é, portanto, não só perigoso, mas também é mau para a sustentabilidade, uma vez que resulta frequentemente em muitas travagens e acelerações. Em vez disso, deves tentar atingir uma velocidade de cruzeiro e engrenar a mudança adequada - e tentar manter essa velocidade durante o máximo de tempo possível para poupar combustível. O Cruise Control pode ajudar-te a manter a velocidade e a descansar os pés.

É MELHOR ABRANDAR DO QUE PARAR.

Se vires um sinal vermelho ou se houver muito trânsito, não aceleres nem traves de repente. Em vez disso, tenta abrandar e diminuir lentamente a velocidade de forma natural. O semáforo pode ficar verde antes de lá chegares, o que significa que não terás de acelerar depois da imobilização, o que é muito melhor para o ambiente. Se for absolutamente necessário parar, é melhor desligares o motor em vez de ficares em ponto morto, uma vez que um automóvel em ponto morto continua a consumir combustível e a emitir CO2. A função automática Start/Stop do teu MINI (de série desde 2007) pode ajudar-te a evitar ter de fazer isto manualmente.

Se tens um MINI, é mais fácil fazer uma condução amiga do ambiente. O nosso Modo GREEN opcional foi concebido para te ajudar a poupar combustível e a maximizar a autonomia, regulando a aceleração e ajustando o ar condicionado. Pode apresentar dicas e - se o teu automóvel tiver caixa de velocidades automática - a função de marcha por inércia pode poupar-te ainda mais combustível: quando tiras o pé do acelerador, o motor é automaticamente desacoplado da transmissão, o que significa que o teu automóvel abranda muito mais suavemente, enquanto o consumo é reduzido significativamente.

SEGUE O CAMINHO CERTO.

Se queres manter uma velocidade constante e não ficar preso no mesmo sítio durante horas a fio, maximiza as tuas hipóteses de evitar o trânsito. Utiliza os planeadores de percurso antes da viagem, para saberes por onde não deves ir. É melhor para os teus níveis de stress, bem como para o planeta.

ARREFECE COM O AR CONDICIONADO.

Desde um grande sistema de áudio até ao ar condicionado, a maioria dos aparelhos eletrónicos do teu automóvel necessita de energia adicional para funcionar. Por isso, pode ser uma boa ideia abrir os vidros em vez de ligar o ar condicionado. Ou, se o utilizares, ajusta-o para uma temperatura confortável – não tentes transformar o interior do teu automóvel num frigorífico! No entanto, a velocidades elevadas, um vidro aberto pode criar uma grande resistência, o que pode aumentar o consumo de combustível. Neste caso, o melhor compromisso poderá ser ligar o ar condicionado apenas de meia em meia hora ou utilizá-lo apenas na potência mais baixa.

>
Taking Care of your Car
motion
Taking Care of your Car

O teu automóvel requer atenção e manutenção regular – não só para poupar nos custos de reparação, mas também para garantir que está sempre a funcionar da forma mais otimizada e sustentável possível. Se pretendes reduzir as emissões do teu automóvel, melhorar a economia de combustível e evitar avarias inesperadas, as revisões regulares são indispensáveis. Tudo, desde uma mudança de óleo a um sistema de emissões otimizado, bem como filtros de combustível e de ar a funcionar corretamente, contribui para que o teu automóvel funcione da forma mais eficiente possível.

RECICLAGEM.

Provavelmente, já sabes que não deves simplesmente deitar fora os materiais usados do teu automóvel. Dependendo do local onde vives, pode haver programas de reciclagem de filtros de óleo, anticongelante ou óleo. Em vez de irem para um aterro, estes materiais serão reciclados e transformados em novos produtos.

ECOLOGICAMENTE LIMPO.

Todos gostamos de um automóvel limpo, mas há muitos fatores a considerar quando pensamos em como lavar um automóvel. Deves pensar sempre no tipo de detergentes e produtos de limpeza que utilizas, bem como no destino das águas residuais. É precisamente devido ao tratamento das águas residuais que uma lavagem de automóveis profissional pode ser mais amiga do ambiente do que uma lavagem feita por conta própria. Em geral, utilizam menos água para lavar um único automóvel do que os particulares. As lavagens profissionais são incentivadas a poupar água, quer por via legislativa, quer numa perspetiva puramente económica. Se pretendes recorrer a profissionais, verifica como tratam a água da lavagem. O ideal seria que utilizassem vários sistemas de reciclagem, mas, no mínimo, deves escolher uma lavagem de automóveis que garanta que a água não vai para os esgotos pluviais e, consequentemente, para os lagos e rios.

Mas, e se não houver uma lavagem de automóveis apropriada por perto? Há várias opções para te certificares de que estás a lavar o teu automóvel da forma mais ecológica. Em primeiro lugar, pensa em formas de poupar água, como utilizar os acessórios da pistola de pulverização da mangueira ou, melhor ainda, utilizar produtos de limpeza sustentáveis. Na MINI, temos vários produtos ecológicos que não contêm microplásticos e têm embalagens recicláveis. Além disso, os nossos champôs para automóveis e limpa-vidros MINI estão disponíveis em forma concentrada, o que significa menos resíduos e menos CO2 produzido durante o transporte. Embora seja possível considerar alguns dos produtos de limpeza que já tens em casa, estes podem não estar otimizados para o teu MINI e podem deixar marcas ou danificar certas superfícies de outras formas. E, claro, depois de considerar tudo, poupa sempre água, ligando-a apenas quando necessário. Em seguida, tem em atenção o local onde lavas o teu automóvel. O ideal é garantir que a água - com todos os produtos químicos, óleo e resíduos - não entra nos cursos de água locais. O ideal é recolher a água suja num balde e deitá-la fora em casa. Como podes ver, todos os aspetos relacionados com a propriedade de um automóvel podem ser tratados de forma mais sustentável, se tiveres cuidado e estiveres atento ao que estás a fazer.